Aluisio Didier
enogourmet1.jpg

Aluisio Didier é um regente musical, arranjador e compositor da TV Globo e da Globo News e sócio da Associação Brasileira de Compositores de Música para Audiovisual (Musimagem Brasil). Ele, seu irmão Carlos Didier, e o percussionista Oscar Bolão, são fundadores do Conjunto Coisas Nossas.

Estudos

Aluisio Didier estudou análise e composição com Esther Scliar, regência com Alceo Bocchino, piano com Vilma Graça e Sônia Maria Vieira e violão com Léo Soares.

Projeto Contraponto

Em Dezembro de 2008, lança o projeto Contraponto, que tem por objetivo produzir e registrar em DVD obras musicais contemporâneas.

Obra…

… Na Música

Pra Televisão

Desde 1981, é arranjador e compositor de trilhas sonoras pra TV Globo, e depois, também pra Globo News. Alguns de seus trabalhos são:

  • O Tempo e o Vento e São Bernardo de Paulo José, A Máfia no Brasil de Roberto Farias, Os Orfãos da Terra de P.A. Grisolli, Anos Dourados de Gilberto Braga;
  • Novelas: Brega e Chique, Que Rei Sou Eu?, Tieta;
  • Aberturas pra TV Globo: Jornal Hoje, Globo Serviço, Globo Cidade, Jornal Nacional, F1, Bom Dia Rio, Bom Dia Brasil, Globo Notícia, Mais Você.
  • Aberturas pra Globo News: Starte, Pelo Mundo, o extinto Em Cima da Hora, Jornal das 10.

Já fez várias orquestrações para a Orquestra Sinfônica Brasileira (OSB) de músicas da programação da TV.

Pra Instrumental

Compôs, dirigiu, orquestrou e produziu entre outros:

  • Caymmi Som Imagem Magia c/ Dorival e Radamés Gnattali (Prêmio Sharp 1998);
  • Radamés Gnattali, piano solo;
  • Rio de Janeiro do Século XVl;
  • A Noiva do Condutor, opereta de Noel Rosa c/ Marília Pera e Grande Otelo;
  • Olhar Brasileiro, de Eduardo Dusek;
  • Noel Rosa Inédito e Desconhecido;
  • Coisas Nossas, com o Conjunto Coisas Nossas.

Pro Cinema

Compôs trilhas para filmes como Um Longo Amanhecer: Celso Furtado, Dois Cientistas, Rio de Cinemas, Estórias da Rocinha, Pantanal, Vida ou Morte, Anônimo nº 1, Teresa, Salvar o Brasil, Heleno e Garrincha, Com o Andar de Robert Taylor, A Noite, Cientistas Brasileiros.

… Em Outras Linguagens

Cinema

Dirigiu alguns filmes, quase sempre ligados à música:

  • Um Certo Dorival Caymmi, longa, homenagem ao compositor baiano;
  • De Krajcberg a Chico Mendes, curta, ensaio plástico-musical baseado na obra do escultor Frans Krajcberg;
  • Nosso Amigo Radamés Gnattali, média (em parceria com Moisés Kendler), documentário sobre a vida e o trabalho do compositor;
  • Brasília, Uma Sinfonia, curta, sobre a "Sinfonia da Alvorada", composta por Vinicius de Moraes e Tom Jobim;
  • Maestro Bocchino, média, documentário sobre a vida e o trabalho de Alceo Bocchino, um dos maiores músicos brasileiros vivos;
  • Krajcberg e Gismonti: Natura e Revolta, média, sobre a maior exposição do artista Frans Krajcberg realizada no Brasil, com concerto de Egberto Gismonti, da peça "Natura", dedicada a Krajcberg, com Orquestra de Câmara da Cidade de Curitiba e Trio.

Letras

É autor de:

  • Radamés Gnattali, de A a Z, Editora Brasiliana, 1996, com patrocínio do extinto Banco Real;
  • Dorival Caymmi, de mar a mar, sem editora;
  • Artigos publicados nas revistas Piracema e Viva Música e no Jornal do RioArte.

Links Externos

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License